51 3713 8100

Prefeitura apresenta o Novo Cemai Última atualização em, 21 de dezembro de 2018

Um espaço mais humanizado, confortável e acolhedor. É isso que os pais dos usuários do Centro Materno Infantil (Cemai), uma das unidades de saúde mais procuradas pelos santa-cruzenses, podem aguardar após as obras que em 2019 irão modernizar toda a estrutura física do local. A Prefeitura de Santa Cruz do Sul anunciou na tarde desta sexta-feira, dia 21, em entrevista coletiva no Palacinho, um investimento de cerca de R$ 1,5 milhão, em recursos próprios.

 

A obra, cuja duração prevista é de seis meses, será a primeira desde que o serviço entrou em funcionamento, há quase duas décadas – a unidade foi inaugurada em 1999. “A saúde pública sempre foi e sempre será minha prioridade. Estamos projetando um futuro melhor, dando uma atenção especial à saúde das nossas crianças”, disse o prefeito de Santa Cruz do Sul, Telmo Kirst.

 

A reforma já começa pelo nome, como explica o secretário municipal de Saúde, Régis de Oliveira Júnior. “Criamos uma identidade contemporânea, mantivemos o nome original, mas acrescentamos a palavra novo para mostrar justamente que a única coisa que permanecerá igual é o endereço”, enfatizou. A ideia, segundo ele, é tornar o espaço mais atrativo e mais conectado com o universo infantil, associando o local muito mais à ideia de promoção da saúde do que à de enfermidade. 

 

O detalhamento completo das intervenções foi apresentado pelo secretário municipal de Saúde, Régis de Oliveira Júnior, e pela arquiteta Kariane Pacheco, responsável pelo projeto, em ato que contou com a presença do prefeito Telmo Kirst, secretários municipais, vereadores, diretores de hospitais, representantes do Conselho Municipal de Saúde e imprensa. 

 

Dado o tamanho da reforma prevista e as providências que necessitam ser tomadas antes do início dos trabalhos - como retirada de equipamentos, mobiliário e organização do espaço -  a partir do dia 1º de março, a equipe do Cemai passará a atender provisoriamente em instalações na Rua Ernesto Alves, nº 128, com exceção da ginecologia que será transferida temporariamente para o Cisvale. O edital de licitação será publicado em janeiro e as obras devem iniciar em março.  A expectativa é que a inauguração ocorra até outubro. 

 

De acordo com o secretário Régis, o Cemai será transformado em uma estrutura de saúde primeiro mundo. A inspiração para a elaboração do projeto veio de Santa Catarina, da cidade de Itajaí. Em uma viagem, Régis conheceu o Hospital Universitário Pequeno Anjo (Hupa), que exerce um significativo papel no atendimento em saúde infantil para todo o país.

 

Como o nome original já diz, o Centro Materno Infantil é um espaço que recebe principalmente gestantes, mães, bebês e crianças em busca de atendimento médico. Por mês são efetuadas quase mil consultas na área de ginecologia e 3, 6 mil na área de pediatria. Deixar o local mais alegre, com um visual mais lúdico, é o que está previsto na reforma. Cores como azul, amarelo e vermelho, em tonalidades vivas, deverão alegrar tanto a fachada, quanto o interior do prédio, tornando o local muito mais convidativo para os pequenos.

 

Como explica a arquiteta Kariane Pacheco, as melhorias irão acontecer em todos os ambientes, sem exceção. “Vamos manter as paredes, mas internamente toda a estrutura sofrerá mudanças”, disse ela. A começar pela entrada, um pórtico de acesso com átrio coberto será instalado para que os acompanhantes que assim desejarem possam aguardar os pacientes do lado de fora. Junto a essa área de convivência, também será instalado um playground para a criançada.

 

Uma cobertura será construída para proteger o acesso de emergência e das ambulâncias e a  frente e as laterais do prédio receberão  ajardinamento, o que dará um colorido todo especial logo na chegada. A porta principal será utilizada somente para ingresso dos usuários, os servidores terão acesso exclusivo por outra entrada. 

 

“A grande mudança será na recepção e nas salas de espera para atendimento, que ficarão muito mais acolhedoras”, explicou Régis. Logo que o usuário ingressar no Novo Cemai e fizer a ficha na recepção, será direcionado ou para a sala de espera da pediatria ou para a sala de espera da ginecologia. Hoje as pacientes que aguardam por consultas ginecológicas aguardam em bancos espalhados pelo corredor.

 

Junto à sala de espera da pediatria serão instalados assentos adaptados para crianças e uma ampla área de recreação, o chamado Espaço Kids, será equipada com televisão, livros infantis, brinquedos, jogos pedagógicos, materiais de desenho e mesinhas para colorir. Na decoração do espaço, predomínio para cores vivas, carregadas de energia, bem diferentes do padrão utilizado hoje em instituições de saúde. 

 

“Consultórios, salas de observação, de gestantes, de emergências, vacinas e de triagem também serão transformadas”, avisou. Internamente também serão feitas modificações na parte de serviços para melhor acomodação da rouparia, depósito e lavanderia. Haverá substituição de toda a estrutura elétrica e hidráulica do prédio, instalação de climatização, iluminação de led e troca de todo o mobiliário por peças mais funcionais e adequadas ao uso atual. Pisos, revestimentos e esquadrias também serão substituídos. 

Porém, as melhorias não serão restritas à estrutura física. A Câmara de Vereadores já aprovou a contratação de dois novos médicos pediatras para começar a atuar já endereço provisório, à Rua Ernesto Alves. E para a inauguração do novo Cemai o quadro de funcionários será reforçado com mais profissionais. 

 

Em agosto deste ano, o secretário já havia anunciado, a revitalização do espaço, porém seria uma intervenção mais modesta. Estavam previstas pintura, aquisição de novos móveis e remodelação de espaços. A ideia era uma revitalização em torno de R$ 250 mil. O novo anúncio significa uma nova unidade, totalmente modernizada. 

 

Atualmente o Cemai é mantido exclusivamente com recursos próprios do Município, cerca de R$ 500 mil por mês. A Prefeitura vai tentar habilitar a unidade para receber também incentivos do governo federal, a fim de ampliar os serviços. Uma equipe técnica da Sesa já trabalha na elaboração de um projeto que será submetido à análise do Ministério da Saúde.

 

Funcionamento – O Centro Materno Infantil (Cemai) está localizado na Travessa Kern, s/nº. O telefone é (51) 3715 8666. O atendimento pediátrico acontece em regime de plantão 24 horas e o atendimento ginecológico e obstétrico é realizado mediante agendamento, de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h. As vacinas também são efetuadas aos sábados pela manhã, das 7h às 12h45min.

 

Na unidade funciona também o Ambulatório de Risco, que atende egressos prematuros da UTI Neonatal e crianças de risco do Município, mediante agendamento. Consultas de puericultura também são agendadas para usuários do Centro e das localidades do interior que não contam com postos de saúde. No local são realizados ainda testes da orelinha para os municípios da 13ª CRS.

Compartilhe:
Prefeitura de Santa Cruz Suporte Técnico:
suporte@santacruz.rs.gov.br
Desenvolvido por DROP