51 3713 8100

Instituto Goethe promove oficina App Jam para alunos da rede municipal Última atualização em, 11 de outubro de 2017

Alunos das turmas do 7º ao 9ª ano das escolas municipais de ensino fundamental, que tem a língua alemã na grade curricular, passaram por uma experiência diferente na tarde desta terça-feira, no auditório da Secretaria Municipal de Educação (SEE). Por iniciativa do Instituto Goethe eles participaram do App Jam, um evento educativo e interativo que tem como propósito apresentar games digitais para tornar o aprendizado da língua mais divertido e atrativo para os jovens.

 

Divididos em oito estações, cerca de 60 crianças e adolescentes tiveram a oportunidade de conhecer o conteúdo digital colocado à disposição gratuitamente pela instituição. Como explica o responsável pelo gerenciamento de projetos do Instituto Goethe, Holger Beier, as mídias digitais ampliam o espaço físico da sala de aula pelo uso de dispositivos móveis como tablets e smartphones, o que permite aprender a todo momento. “São recursos que amenizam a visão generalizada de que o alemão é uma língua difícil de se aprender. A ideia é que os alunos tenham esses aplicativos no próprio aparelho celular e usem os aplicativos no tempo livre para praticar o alemão”.

 

De estação em estação os grupos foram se revezando e experienciando de maneira lúdica, games específicos para treino de vocabulário, memória, conhecimentos gerais e gramática, com efeitos de som, animação e interatividade que auxiliam na pronúncia e na escrita. Também puderam experimentar óculos especiais de realidade virtual que permitem fazer viagens a Alemanha e a “outros mundos”, tecnologia que está sendo testada em salas de aula de diversos países.

 

Santa Cruz do Sul é a quinta cidade do Estado a receber a oficina, sem nenhum custo para a Administração Municipal. O circuito de viagens pelo Rio Grande do Sul se encerra em Nova Petrópolis e depois será levado  para outros estados como São Paulo, Bahia e Fortaleza. 

 

Atualmente 617 alunos estudam a língua alemã na rede municipal. A secretária de Educação, Jaqueline Marques, afirma que Santa Cruz tem investido para aumentar o número de escolas com oferta da língua no currículo. “Falar alemão é uma característica do nosso interior, mas já temos três escolas da sede que também ensinam e para nossa alegria, este ano, a Duque de Caxias pediu a inclusão da disciplina no currículo”, comemora. 

 

Desde o 6º ano Mackerly Kipper, 14 anos, aprende a ler e falar alemão na escola. Frequentando o 9º ano na Emef Christiano Smidt, ela reconhece a importância desses conhecimentos para seu futuro profissional. Com relação às aulas, ela afirma que aprecia os momentos em sala de aula e diz que a professora ensina de forma bastante criativa, mas aprova a iniciativa do Goethe. “É bem legal, a gente pode interagir mais, tem jogos interessantes. Essas modernidades a gente não tinha”, observou. 

Compartilhe:
Prefeitura de Santa Cruz Suporte Técnico:
suporte@santacruz.rs.gov.br
Desenvolvido por DROP