51 3713 8100

Secretaria de Saúde promove Mutirão Oftalmológico Última atualização em, 23 de dezembro de 2018

A dona de casa Vanessa da Silva ficou feliz por poder levar seu filho, Vinícius, de 9 anos,  para fazer um teste de visão sem pagar nada pela consulta. "É como um presente de Natal. Se eu tivesse que pagar nem tenho ideia de quanto custaria", declarou. Vinicius estava entre as 190 crianças, estudantes de escolas municipais e estaduais, que foram beneficiadas pelo mutirão de consultas oftalmológicas, realizado neste sábado, 22, na clínica Oftalmoklinic, da rua Marechal Deodoro, 1105.  A compra das consultas foi efetuada pelo Município junto ao Consórcio Intermunicipal de Serviços do Vale do Rio Pardo (Cisvale). 

 

O secretário de Saúde, Régis de Oliveira Júnior, explicou o motivo da mobilização. "Nossa intenção é zerar, até o final de 2019, a fila de espera para consulta oftalmologica", afirmou. Ainda segundo ele, em janeiro será realizado um novo mutirão e  700 pessoas devem ser contempladas.

 

De acordo com o especialista em oftalmologia,  Dr Douglas Weiss, os pais devem ficar atentos, especialmente nos primeiros anos de vida da criança. "A primeira avaliação oftalmológica é feita no nascimento, e depois aos 2 anos. Mas até os 6 anos de idade ela deve ser feita anualmente, porque é o período que a criança desenvolve a visão", explicou. Ainda segundo ele, os profissionais de educação também devem observar. "Tem muita criança queas vezes 'tá'indo mal na escola e é taxada como desinteressada, e quando ela colocar o óculos vai perceber o quanto deixou de enxergar", acrescentou.

 

É o caso do menino  Vinícius. Aluno da Emef José Ferrugem, do bairro Renascença, foi alertado pela professora de que poderia ter alguma dificuldade na visão. "Muitas vezes eu olhava pro quadro e via tudo duplo", confessou o garoto, que após a consulta recebeu a receita para usar óculos, ao ser diagnosticado um pequeno grau de estigmatismo. " Ele deve utilizar óculos sempre que tiver que forçar a visao", orientou o médico.

 

O mutirão oftalmológico é uma iniciativa da Prefeitura de Santa Cruz, através das secretarias de Saúde, e de Educação, por meio do Programa Saúde na Escola, e Ótica Diniz, que fará a doação de 50 pares de óculos às crianças mais carentes. Dos 190 contemplados neste sábado, 120 compareceram.

 

 

 

 

 

 

Compartilhe:
Prefeitura de Santa Cruz Suporte Técnico:
suporte@santacruz.rs.gov.br
Desenvolvido por DROP