51 3713 8100

Economia com turno único chega a R$ 422,4 mil ƚltima atualizaĆ§Ć£o em, 26 de fevereiro de 2018

A Secretaria Municipal de Fazenda (Sefaz) divulgou o resultado da economia efetuada pela Prefeitura de Santa Cruz do Sul no período de vigência do turno único. De 30 de outubro de 2017 a 16 de fevereiro deste ano, R$ 422,4 mil deixaram de ser gastos com água, luz, combustíveis, alimentação e vale-transporte. 

 

Na avaliação da secretária municipal de Fazenda em exercício, Aretuza Molina Scheibler, a economia superou a estimativa inicial, que era de aproximadamente R$ 300 mil. “Com certeza a medida teve um saldo positivo, na realidade são valores que estavam disponíveis e que não foram utilizados”, explicou. O cálculo para que se chegasse ao resultado da economia foi feito pela comparação dos meses de turno único com os meses anteriores.

 

Segundo Aretuza, a redução de gastos no período em questão é na realidade ainda maior, porém é muito difícil separar despesas com materiais de expediente e higiene. Os itens que mais contribuíram para o resultado expressivo na economia foram energia elétrica, especialmente tendo em vista o aumento no uso do ar condicionado nesta ápoca do ano, e os combustíveis. “Mesmo com o aumento aproximado de 15,8% nos combustíveis, verificado no mês de novembro, a economia foi significativa”, observou ela. O aumento citado  é referente a 8% de reequilíbrio no óleo diesel tipo B, 5,94% na gasolina e 1,86% no óleo S10. 

 

Dentre as secretarias municipais, a que mais sentiu a redução de gastos, foi Obras e Infraestrutura (Seoi). Com o turno de seis horas ininterruptas, viagens com caminhões e outros veículos diminuíram significativamente.

 

Compartilhe:
Prefeitura de Santa Cruz Suporte Técnico:
suporte@santacruz.rs.gov.br
Desenvolvido por DROP